segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

51 perguntas para um Blogger com Sergio Issamu


51 perguntas para um Blogger é uma coluna do Meiroca publicada toda segunda feira, a cada semana um novo entrevistado.

Hoje no 51 perguntas para um blogger, vamos ler as respostas da Sergio Issamu, que se define assim:



Gosto de falar sobre cinema, música, itens tecnológicos, esportes em geral e sobre o comportamento (des)humano. Sou da cidade de Maringá no Paraná e acabo escrevendo coisas relacionadas a cidade. Também escrevo algo sobre o Japão e a cultura japonesa. Meu primeiro blog (http://issamu.blog.com/) é até hoje o mais conhecido e ainda visitado. Escrevi nele desde 2006 até meados de 2009. A partir do meio do ano passado estou em um novo domínio (http://issamu.com/).





Então vamos saber as respostas da  Issamu para o Questionário do Pensieri e Parole.

5 de janeiro de 2010 17:46

1. O que você mudaria do teu ultimo ano de blogging?

Faltou dar mais atenção ao conteúdo, fiquei muito tempo ligado na aparência (layout) do blog.

2. Se o teu blog sumisse, apagasse, fosse deletado, você começaria a blogar do zero?

Sem dúvida. Foi mais ou menos o que fiz no meio do ano passado. Paguei domínio e hospedagem, larguei meu antigo, gratuito e conhecido blog, para alegria das moscas.

3. Se tivesse que escolher uma só maneira de promover o teu blog, qual seria? E porque?

Acho que a melhor maneira de promover um blog, é fazendo amizades e conhecendo outros blogs. Essa troca de informações, não somente links, é que faz um blog crescer. De que outra forma eu seria conhecido pela Meiroca e os leitores do Pensieri e Parole?

4. A tua web rotina matinal inicia às….

7h e 7h30. Diferente de alguns blogueiros que varam a madrugada, sempre procuro dormir no mesmo horário entre 00h e 01h. Independente da hora que durmo, acordo sempre no mesmo horário. Só tenho a parte da manhã para escrever.

5. O que não deve faltar na tua escrivaninha?

O bom e velho bloco de anotações. Tudo o que passa pela nossa cabeça pode virar um post. Isso se lembramos de tudo. Por isso, é sempre bom anotar.

6. Comentários moderados, livres ou uma via de meio?

Faço moderação apenas por segurança. E edição daqueles ofensivos.

7. A Blogosfera é realmente auto referência?

Sem dúvida. Existe uma espécie de "união estável" entre os membros desse grupo.

8. Recomende 3 blogs formadores de opinião.

Blog da Luma, da Anna Vitória para as jovens aborrcentes  e do Rics.

9. Recomende 3 blogs desconhecidos que vale a pena conhecer.

Se me permite, gostaria de citar três aqui de Maringá, desconhecidos do resto do país. O Blog do Rigon, blog do De Paula e Blog do Ronaldo Nezo.

10. Se o teu blog fechasse amanha, por que coisa você seria recordado?

Boa pergunta. Por ter ganho doces da DoceShop talvez. Obrigado Roberto e funcionários.

11. Um erro grave que você fez blogando

Não me recordo. Deveria ter ousado mais, ter sido mais sacana com as pessoas.

12. Você se recorda do post que gerou maior reação?


13. E o mais ridículo?


14. Cita sempre a fonte das imagens que usa?

Quando encontro a fonte, sim.

15. Então indique uma boa fonte de imagens.

O Flickr com Creative Commons (para quem não sabe, direitos autorais existem, mas em alguns casos a imagem pode ser utilizada quando divulgada a fonte). Detesto direitos autorais, mata a pessoa pelo umbigo.

16. Muitos posts ao dia pode ser contraprodutivo?

É interessante um limite. 2 a 3 seria o ideal.

17. Feed, reader?

Uso mais como um marcador de favoritos, o Fastladder. Gosto mesmo de ler in loco.

18. Ja experimentou podcast e videopost?

Tentei o podcast, mas não levo jeito.

19. Se sim o que você achou?

Acho que é uma boa alternativa para a era da mobilidade. Mas ainda prefiro escrever.

20. Dica de uma ferramenta interessante.

Serve o Twitter? Por causa dele, posso usar o twazzup para buscar palavras chave.

21. Twitter. Uma perda de tempo ou um novo horizonte comunicativo?

Sabendo filtrar as informações, um horizonte de possibilidades. Você escolhe quem quer seguir.

22. O microblog sepultou, ou acordou o blog?

Em certos aspectos, sepultou. No entanto, sabendo utilizar, serve como um complemento.

23. O pior evento que você teve que administrar no teu blog?

Um post sobre o curso de Medicina de uma Universidade privada aqui de Maringá. Foi aberto, e em seguida fechado pelo MEC. Virou uma briga de alunos de Estadual e Particular.

24. Para um Blogger, Firefox ou Chrome?

Eu utilizo os dois. O Chrome pela rapidez no carregamento. O Firefox pela estabilidade.

25. Quanto vai durar a febre Orkut?

Não diria que o Orkut é uma febre. Diria que o Orkut virou uma extensão do brasileiro, uma identidade digital. Agora, só uma pane no servidor (isso não é um incentivo).

26. Uma palavra para descrever a blogosfera brasileira.

Discriminada.

27. No Brasil se digo blogger digo…

Bobagens em um diário virtual.

28. Você costuma programar seus posts?

Sim. Para datas comemorativas.

29. O horário de publicação do post interfere nos comentários?

Interfere sem dúvidas. Ainda mais agora com o twitter.

30. Quantos e-mails relativos ao teu post você recebe por dia?

Nenhum.

31. Responde a todos?

Respondo, claro.

32. O ultimo investimento economico que você fez para o teu blog?

Na hospedagem que não recomendo, Kinghost. Pretendo mudar.

33. Você cuida sozinho do layout do seu blog?

Infelizmente sim.

34. Melhor um layout grátis, ou sob medida?

Na falta de um sob medida, melhor o grátis.

35. Mais “bobagens” é igual a mais “comentários”?

Sim. Brasileiro gosta de pouco "bla bla bla"e mais "cha cha cha".

36. O que falta para a Blogosfera brasileira ficar legal?

Menos panelinha.

37. Você já foi clonado?

Já.

38. Ja’ publicaram algo teu sem pedir?

Já.

39. Se sim, o que você fez?

Felizmente divulgaram a fonte. Apenas dei um hellouuu.

40. A posição geográfica influencia na maneira de blogar e no relacionamento entre bloggers?

O alcance fica muito restrito. Mas não atrapalha no relacionamento entre os bloggers. Para isso temos, e-mail, chat, twitter...

41. Um evento brasileiro ligado ao mundo blogueiro que ninguém poderia perder.

Os 7 dias do Campus Party. Encontro de blogueiros é legal, mas serve apenas para nos conhecermos.

42. Já escreveu algum publieditorial?

Já, e tenho vergonha disso, mas as pessoas precisam de dinheiro. Eu pelo menos.

43. Qual o ultimo post que você escreveu no teu blog antes desta entrevista


44. O primeiro post que você vai escrever depois desta entrevista?

Terça do vídeo:

45. A troca de links “como obrigaçao” ainda faz sentido?

Fez sentido em algum momento? Pra mim nunca.

46. Quantos links contem o teu blogroll?

7 pra dar sorte. Não. Na verdade tenho pouco tempo para atualizar.

47. Você visita todos?

Quando tenho tempo.

48. Tem algum senso auto promover seus posts nos diversos circuitos e redes sociais?

Acho que não faz mal, desde que com moderação.

49. Uma widget que não deve faltar na tua sidebar.

Nunca dispenso o blogroll.

50. Uma widget você tirou da tua sidebar.

A que mostrava atualizações do twitter por palavra chave.

51. Um conselho para quem est á chegando agora no mundo da blogosfera.

Persistência, mas sobretudo humildade. Faça um tour e comente em outros blogs. Funciona, vai por mim. Tem muita gente legal nesse mundo.


Issamu

Nenhum comentário:

Postar um comentário