terça-feira, 7 de setembro de 2010

Mania de Explicação

Era uma menina que gostava de inventar uma explicação para cada coisa -Explicação é uma frase que se acha mais importante do que a palavra.

As pessoas até se irritavam - irritação é um alarme de carro que dispara bem no meio de seu peito - com aquela menina explicando o tempo todo o que a população inteira já sabia. Quando ela se dava conta, todo mundo tinha ido embora. Então ela ficava lá, explicando, sozinha.

Solidão é uma ilha com saudade de barco.

Saudade é quando o momento tenta fugir da lembrança pra acontecer de novo e não consegue.

Lembrança é quando, mesmo sem autorização, seu pensamento reapresenta um capítulo.

Autorização é quando a coisa é tão importante que só dizer "eu deixo" é pouco.

Pouco é menos da metade.

Muito é quando os dedos da mão não são suficientes.

Desespero são dez milhões de fogareiros acesos dentro de sua cabeça.

Angústia é um nó muito apertado bem no meio do sossego.

Agonia é quando o maestro de você se perde completamente. Preocupação é uma cola que não deixa o que não aconteceu ainda sair de seu pensamento.
Indecisão é quando você sabe muito bem o que quer mas acha que devia querer outra coisa.

Certeza é quando a idéia cansa de procurar e pára.

Intuição é quando seu coração dá um pulinho no futuro e volta rápido.

Pressentimento é quando passa em você o trailer de um filme que pode ser que nem exista.

Renúncia é um não que não queria ser ele.

Sucesso é quando você faz o que sempre fez só que todo mundo percebe.

Vaidade é um espelho onisciente, onipotente e onipresente. Vergonha é um pano preto que você quer pra se cobrir naquela hora.

Orgulho é uma guarita entre você e o da frente.

Ansiedade é quando faltam cinco minutos sempre para o que quer que seja.

Indiferença é quando os minutos não se interessam por nada especialmente.

Interesse é um ponto de exclamação ou de interrogação no final do sentimento.

Sentimento é a língua que o coração usa quando precisa mandar algum recado.

Raiva é quando o cachorro que mora em você mostra os dentes.

Tristeza é uma mão gigante que aperta seu coração.

Alegria é um bloco de Carnaval que não liga se não é fevereiro.

Felicidade é um agora que não tem pressa nenhuma.

Amizade é quando você não faz questão de você e se empresta pros outros.

Decepção é quando você risca em algo ou em alguém um xis preto ou vermelho.

Desilusão é quando anoitece em você contra a vontade do dia.

Culpa é quando você cisma que podia ter feito diferente, mas, geralmente, não podia.

Perdão é quando o Natal acontece em maio, por exemplo.

Desculpa é uma frase que pretende ser um beijo.

Excitação é quando os beijos estão desatinados pra sair de sua boca depressa.

Desatino é um desataque de prudência.

Prudência é um buraco de fechadura na porta do tempo.

Lucidez é um acesso de loucura ao contrário.

Razão é quando o cuidado aproveita que a emoção está dormindo e assume o mandato.

Emoção é um tango que ainda não foi feito.

Ainda é quando a vontade está no meio do caminho.

Vontade é um desejo que cisma que você é a casa dele.

Desejo é uma boca com sede.

Paixão é quando apesar da placa "perigo" o desejo vai e entra.

Amor é quando a paixão não tem outro compromisso marcado. Não. Amor é um exagero... Também não. É um desadoro... Uma batelada? Um enxame, um dilúvio, um mundaréu, uma insanidade, um destempero, um despropósito, um descontrole, uma necessidade, um desapego? Talvez porque não tivesse sentido, talvez porque não houvesse explicação, esse negócio de amor ela não sabia explicar, a menina.(Adriana Falcão)

Livro, Mania de Explicação, da escritora Adriana Falcão

Via Pensador.info

16 comentários:

  1. Um mimo de definições. Adorei intuição!

    ResponderExcluir
  2. Oi Meiroca,
    Mudou o visual novamente? :)
    A foto das cordas deve ser interpretada? :)
    Gostei do texto da explicação.
    beijos
    Babi

    ResponderExcluir
  3. Vixe, como essa casa tá bonita!!! Parabéns. Gostei muito. Essas definições são uma delicia de ler. Adorei. Saudade docê. Elza

    ResponderExcluir
  4. Como sempre seu templat muda para cada vez melhor.Gostei deste azul.Qt ao texto, parece até que o texto é de quem sofre com essas manias.E, quem pode explicar!

    ResponderExcluir
  5. Adorei o texto!! Muito lindinhas essas explicacoes:-)

    ResponderExcluir
  6. Enquanto eu ia lendo logo vi que essa menina era bem uma poeta. BOnitas as explicaçoes dela. Ilha com saudade de barco!!! Que bacana!! Minha filha é assim tambem. Emilia do Monteiro Lobato. Crianças inteligentes e curiiosas viram adultoe intelgentes e curiossos, antes porem enchem o saco da familia inteira, hehehehe,
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Novo visual aqui? Eata bonito mesmo. Minha filha explicadora diz que a vida é uma corda bamba e que tem gente que ainda gosta de balança a corda banba do outro....

    ResponderExcluir
  8. É verdade Dinha, tem coisas que não se explicam, elas acontecem sem a gente se dar conta :)
    Obrigada por nos brindar com esse belo texto :)
    Bjokas

    ResponderExcluir
  9. kkkkk
    Meiroca, tem coisas que o melhor a fazer ´E NAO EXPLICAR. OU PEDIR EXPLICACOES POR QUE O QUE NOS SERÁ ENVIADO É ALGO QUE MACHUCARÁ MAIS.
    Eu venho perdendo a cada dia que passa, a capacidade de explicar ou pedir explicacoes. Porq ue, nas vezes em que fiz isso, cai do cavalo: A PESSOA NAO ERA QUEM EU ESPERAVA E APESAR DE TODAS AS EXPLICACOES A MIM DADAS, NAO ME CONVENCERAM

    ResponderExcluir
  10. Meiroca, soube agora do que aconteceu ao Marcelo. Fique certa que estarei rezando por ele. Confie em Deus. Td vai se resolver, acredite. tem alguem com vc? Fique calma minha amiga. Beijo no coracao.

    ResponderExcluir
  11. Meiroca,fico com reservas sobre pessoas que se explicam demais,para tudo tem que ter uma explicação.
    Obrigada pelo texto e o template com a corda ficou muito legal,beijos.

    ResponderExcluir
  12. Preciso vir mais vezes por cá...
    Mudastes o visual do blog e também ficou lindo...
    bs,

    ResponderExcluir
  13. Pra muita coisa não existe explicação, por mais que tentamos com a nossa "mania de explicação" ou definição. Os sentimentos mudam, não são estáticos, portanto a explicação muda conforme o nosso ânimo. As explicações acima cabem em um momento de tristeza e não felicidade. Não percebi alegria nas explicões, até mesmo para o amor! Até dizem que a tristeza inspira mais que a alegria. Quando estamos felizes, não nos importamos com muitas coisas, somente quando a tristeza vem é que paramos para avaliar principalmente a vida!!
    Pregare per tutti riuscire! molta forza in questo momento! Frittelle,

    ResponderExcluir
  14. Meire,

    Começo a ficar preocupado. Cadê você?

    ResponderExcluir
  15. ola amiga, tudo bom com vc?

    ando sumida né... bom eu estava numa correria, esta semana ainda estou na correria, mas nossa amiga só hoje viu... eu estava lembrando do amigo secreto quase chorei, poxa eu estava tentando ao maximo participar, mas meu blog ficou desatualizado devida a correria, e nem deu pra fazer visitas, só apartir da semana que vem consigo voltar a ativa, e com fotos e novidades.
    Mas ta né fazer o que :'(...

    Beijos amiga

    ResponderExcluir
  16. Oi Allan tudo bom? To sumida mesmo. Meu marido sobreu um desmaio na rua, e ficou internado fazemos exames, ele esta com um valvula aortica calcificada e precisa fazer uma cirurgia urgente. Juntado a tudo isso, tive q enfrentar uma mudança de casa e de cidade praticamente sozinha e fiquei sem internet. Te peço q inclua meu marido em suas oraçoes.
    Um abraço
    Meire

    ResponderExcluir